Go to ...

Paulo Ghiraldelli on YouTubeRSS Feed

26/03/2017

filosofia

A política é o ópio do povo

No século XIX havia a casa de ópio. Só o rico tinha acesso. Em um momento de liberação e concomitante novo estresse, por conta da entrada na modernidade industrial, surgiu então um lugar próprio para se fugir do mundo. Um século antes Rousseau tinha defendido a ideia anti-cartesiana do “não penso, logo existo”. Fez essa

Bíblia na escola – é claro que sim!

A Bíblia tem seu lugar garantido nas aulas de história, geografia, filosofia e sociologia. É patrimônio cultural do Ocidente. Tem que ser ensinada. Se vai ser bem ensinada, isso é outro problema que, aliás, as disciplinas todas sofrem. Isso não é problema curricular, mas de salário, de formação, de política educacional.

Uma medida viável em educação

De futebol alguns entendem; uma boa parte das mulheres ainda diz não entender. Agora, pedagogia não. Cabelereiros, físicos, psicopatas e até empresários sabem dizer como educar. No entanto, com tanta gente sabendo tudo, o Brasil já completou mais de vinte anos indo mal em todo tipo de exame internacional de avaliação de nossos alunos. Sempre

A mulher jamais fez filosofia

Mulher não enxerga nada que não seja o que está perto. É um pouco exagero dizer isso, mas tem sua verdade. A mulher vê coisas próximas, observa o detalhe, enquanto que o homem joga sua visão no horizonte e é péssimo para achar coisas que estão encostadas nele. Detalhe não é coisa de homem. Homem

Por que pensadores tão diferentes são filósofos?

Por que Marx é filósofo tanto quanto Sócrates? Por que Nietzsche é filósofo tanto quanto Platão? Como pessoas tão diferentes e falando de coisas tão distintas são filósofos? O que as coloca na mesma tradição desse gênero literário chamado filosofia?

Yes, nós temos Codó

Yes, nós temos Codó Por volta de 1999 meu segundo casamento estava fracassado. Não tinha conserto. O melhor seria arrumar um terceiro. Por conta de um convite para palestrar em Teresina, consegui uma namorada, aluna do curso de filosofia da Universidade Federal. Por uns tempos, então, minha circulação pelo Norte voltou a ser prioridade (vinte