Go to ...

on YouTubeRSS Feed

21/11/2017

fascismo

Anitta e o ejaculador

Anita é linda, sexy e tem ao seu lado produtores incríveis, que a fazem alcançar boas performances. Seus clipes são adoráveis, se respeitarmos o gênero de entretenimento no qual ela se propõe a trabalhar. Um vereador de Campinas, talvez daquela leva que xingou Simone de Beauvoir como personagem do ENEM (lembram da barbárie?), deu-lhe adjetivos

A direita venceu e não pode comemorar?

Não há nenhum dúvida que as eleições municipais de domingo último (dia 03/10), na sua maior parte, deu vitórias a candidatos que estão fora do espectro da esquerda. O PT é o grande derrotado do pleito, mas não só. Todavia, o mais curioso é que a direita não pode comemorar muito, se assim o fizer,

Cinismo e fascismo: relações vitais

A moda no Brasil agora é acusar aquele que você não gosta de “fascista”. É tanta frase acusativa que, se computarmos o que ocorre, deveríamos concluir estupidamente que a Alemanha nazista nunca chegou aos pés do Brasil. Até manual simplório sobre “como lidar com fascistas” já existe no mercado. É uma espécie de auto-ajuda de

O fascismo inerente à política moderna

Exceto a extrema direita, que ainda acha que chamar de “comunista” é xingamento, todos nós estamos usando “fascista” simplesmente para o outro, basta ele discordar. O interessante é que até mesmo os conservadores aderiram à moda.  Em geral, o chamamento de “fascista” vem sem qualquer argumentação, apenas frases reiterando que o outro não pode pensar

O fascismo sem fascistas

Há dois tipos de pessoas: os que buscam soluções para problemas e os que querem eliminar aqueles que eles acham que são problemas. Esse segundo tipo alimenta o fascismo. No Brasil atual, após certa quietude, eles voltaram a botar a cabeça para fora.

Intervenção militar

Notaram? Há pessoas pedindo “intervenção militar”? Sim, aqui entre nós! O problema delas não é serem protofascistas. Antes disso, elas são crianças fascistas. Crianças que acreditam que apertam um botão do seu PC ligado à Internet e, então, um anjo (no caso, um demônio) é chamado para salvá-las de algo que não está lhes fazendo