Go to ...

on YouTubeRSS Feed

20/11/2017

Aécio

Historiadores! Aécio perdeu o salário

Historiograficamente falando, a perda de salário do senador Aécio Neves nunca alcançará o sucesso do Impeachment de Collor e Dilma. Talvez nem mesmo consiga aparecer mais que o desprestígio de Temer e o folclorismo machóide do restolho dos Galinhas Verdes, o Bolsonaro. Mas, se quisermos escrever a história política do Brasil daqui uns anos, não

Os Neves, de Tancredo a Aécio

Tancredo era um homem conservador em todos os sentidos. Moralmente e economicamente optava por tradição de costumes e ortodoxia monetarista. Politicamente, no entanto, Tancredo não era propriamente um conservador, era apenas mineiro. Tinha apreço por alianças amplas. Foi assim que, em pleno regime militar, conseguiu tecer uma tela que serviu de pano de fundo para

Lula boy: o rico consultor da Wikipédia

Nada envelhece mais depressa que o moderno. Sabemos disso. Mas, por que é assim? Talvez se possa dizer que a modernidade é a época da mercadoria, e esta está calçada por um produto que precisa ter uma data de validade. Não é nada alvissareiro para uma sociedade de mercado que existam produtos com a ousadia

A coxinhada na avenida

Segundo alguns, inclusive na TV, mais de um milhão e duzentas mil pessoas estiveram na Av. Paulista, em São Paulo, protestando contra o governo Dilma. O Data Folha, bem mais confiável e condizente com as fotos, calculou 250 mil pessoas.