Go to ...

Paulo Ghiraldelli on YouTubeRSS Feed

25/03/2017

Quem é Dilma Rousseff? Qual deus dirá a verdade?


Há autores que não respondem às críticas. Eles usam uma tática velha e carcomida. Acham que estão em condições de olhar de cima para baixo e logo levantar as suas enormes narinas.

Querem estar acima de avaliações e investigações. Fazem isso por infantilismo e por de fato não saberem responder às críticas. Atualmente isso é mania da direita, mas o know how de tal coisa é da nossa esquerda. É até engraçado ver gente agindo assim e ainda acreditando ser antes intelectual que mero militante.

Esse mesmo comportamento de se achar no Olimpo, acima dos “mortais comuns”, é o dos petistas quanto às leis. E isso especialmente no caso do Impeachment de Dilma. Eles realmente são adeptos de uma religião que os faz sempre serem “os mais honestos do mundo”; e mesmo quando cometem crimes fantásticos e gigantescos (como o “mensalão” e o “petrolão”), pretendem nos convencer (e se convencer) de estarem agindo corretamente. Seus objetivos são tão nobres que, mesmo quando erram, se acham no direito de dizer que fizeram algo que “a História julgará”. Sim, tiram deuses ou Deus e entra algo parecido, mas de forma mais ludibriosa: a História. Um marxismo de boteco misturado ao positivismo banalizado lhes dão a ideologia do progresso, típica do século XIX, e logo então a História aparece no centro da igreja dessa seita. Não só por burrice não saem do século XIX, mas por conveniência de bando.

Assim diz André Singer, petista, em artigo na Folha (20/08/2016), para Dilma: mostre aos senadores que eles são algozes ilegítimos e irão um dia pagar diante da Juíza Maior, a História. Isso ocorrerá  no fatídico dia do Juízo Final. Quando será esse dia? Ora, quando os livrinhos didáticos escritos por historiadores de araque, tipo Karnal, vierem ambíguos em relação ao tema do Impeachment, dando a entender que foi um “golpe”. A historiografia será então lacrada. Podem acreditar, veremos isso. Aí então juntarão forças dois tipos de crápulas: autores que fogem da crítica avaliando bem petistas que roubaram e traíram a população, mas que serão ungidos como revolucionários heroicos que tiveram ação coarctada por um “golpe”. Não à toa o PT prepara cartilhas em diversas línguas, sobre esse episódio atual. As tais cartilhas, eu vi, são manuais de desinformação. Má fé mesmo.

O que se fará é uma biografia de Dilma não como uma presidente que colocou os pés pelas mãos e se enredou num crime planejado pela quadrilha chamada PT, mas sim como a mulher símbolo de uma geração, que foi destituída por “machismo e golpismo”, pela “direita”. Ou seja, todos que se indispuseram contra o crime serão rotulados como “de direita”. Nem vão mencionar que Temer era um vice escolhido por Lula para uma aliança com o corrupto PMDB, um partido de coronéis e bandoleiros. A Unicamp produzirá isso, talvez, maculando seu nome de boa universidade? É uma candidata forte! Mas isso pode sair de outro lugar também, pois tese acadêmica e folheto ideológico é comum para quem acredita que toda escola é política e só política – que é a resposta tola da esquerda às teses corretas que sustentam o projeto errado do Escola Sem Partido.

A ideia de que “a história julgará” está fundada na ideia de “faremos a historiografia se dobrar ao nosso gosto”. A esquerda para voltar a ser algo digno precisa não só parar de roubar, mas também abandonar essa atitude igrejeira dogmática. Mas isso parece difícil.

Paulo Ghiraldelli, 58, filósofo. São Paulo, 20/08/2016

Tags: , , , , , ,

32 Responses “Quem é Dilma Rousseff? Qual deus dirá a verdade?”

  1. Valmi Pessanha Pacheco
    22/08/2016 at 10:31

    Prof. PAULO
    Creio que o maior problema (subjacente, insidioso, velado, mascarado, a sorrelfa) da futura ex-presidente sempre foi de natureza psicopatológico. Desde a juventude, os surtos de autismo, ambivalência, megalomania, rigidez afetiva e alheamento da realidade caracterizariam uma forma clínica de esquizofrenia hebefrênica, que modernamente, a Associação Americana de Psiquiatria passou a denominar de distúrbio bipolar.
    Se não tratada e controlada de maneira adequada, a História registrará então, lamentavelmente, apenas mais um prognóstico muito sombrio para seu futuro, em breve.

  2. Klaucius
    21/08/2016 at 22:11

    Uma imagem não sai da minha cabeça : como deve ser engraçado o paulo tentandp meter na fran, com seu pau mole. Dou trela quando pesso nisso.

    • 21/08/2016 at 23:09

      Klaucius: há três problemas com você. 1) Tem vergonha da própria identidade; 2) não consegue terminar o ensino fundamental; 3) não sabe da existência do Viagra.

    • thiago leite
      29/08/2016 at 14:15

      Tem certos comentários aqui que não valem nem resposta.

  3. Luciano
    20/08/2016 at 22:49

    Ou seja, destituíram a quadrilha petista para a quadrilha de coronéis e bandoleiros assumir aliada à quadrilha do trensalão. Continuamos na merda do mesmo jeito.

    • 21/08/2016 at 00:08

      Luciano, uma merda de cada vez para limpar.

    • LMC
      22/08/2016 at 12:01

      Luciano,o que você quer no
      lugar deles?Os comunistinhas
      do PCO?Pelamor de Deus!!!!

  4. Fernando Henrique de Souza
    20/08/2016 at 18:57

    Paulo Ghiraldelli, O artigo não tem nada de filosófico, vez que apenas retrata uma situação política e não aponta alternativa alguma à sociedade nem apresenta questionamento profundo algum. É uma prova cabal que foi escrito por um cidadão comum do povo; alguém muito distante de qualquer Filósofo.

    • Max Paim
      20/08/2016 at 21:48

      Opa. Faz favor então, diga, do alto do seu saber filosófico o que de filosófico poderia ser dito. Não guarde o conhecimento só para si. Não seja egoísta.

  5. José do Carmo
    20/08/2016 at 18:24

    Acredita que Dilma vai voltar, o povo a elegeu e o senadores vão pensar melhor no dia do seu julgamento. O povo quer a Dilma de volta, acredita que em seu novo governo ela vai fazer muito pelo povo mais pobre, o povo que precisa do Estado Social e do PT, um partido mais a esquerda e mais democrático.

    • 20/08/2016 at 19:48

      Carmo esse tal de “povo” quer muita coisa que cada um de nós quer.

  6. Charles
    20/08/2016 at 17:27

    Foi um golpe bem golpeado, não foi?

    • 20/08/2016 at 19:49

      Charles para quem não sabe o que o é golpe pois não pensa com conceitos, foi.

  7. Jordan Bruno
    20/08/2016 at 12:54
  8. Orivaldo
    20/08/2016 at 12:51

    E a história continua -“Tudo como dantes no quartel de Abrantes.”- nos mostrando que, feito uma sina pras pessoas que realmente sonham, assim como é a direita que leva a esquerda ao poder também é a esquerda que devolve de bandeja esse poder a direita, criando assim uma eterna briga onde o roto cospe no esfarrapado e vice versa. E isso não tem nada a ver com socialismo e capitalismo e sim com mau-caratismo e ignorância.

    • LMC
      22/08/2016 at 11:57

      E o que você quer,Orivaldo?O
      PSOL da vovó Erundina?A
      maconha que você fuma tá
      estragada!kkkkkkkkkkkkkkkk

    • 22/08/2016 at 13:48

      Vovós são de idade filosófica e Erundina foi a melhor prefeita de S. Paulo de todos os tempos.

    • LMC
      22/08/2016 at 14:36

      Numa coisa,ela foi igual ao Moreira
      Franco,no Rio:paralisou as obras
      dos Cieps do Brizola quando ela
      paralisou as obras do Jânio em SP.
      Aqui,no Brasil,confundem política
      pública com política partidária.

    • 22/08/2016 at 17:45

      Mal informado meu caro anti-erundina. Ela continuou as obras, e contra o Pt. Sua ânsia de ficar no centro, que é uma posição ruim e talvez pior que ser de direita e esquerda, não raro o impede de pensar.

    • LMC
      22/08/2016 at 19:02

      É que não sou fã nem de Pondé,nem
      de Safatle,PG.Esse Fla-Flu que tem
      no Brasil,as vezes me cansa.É chato
      pra burro.

    • Orivaldo
      22/08/2016 at 21:48

      Realmente é chato. Pra burro.

  9. Maria de Jesus
    20/08/2016 at 12:49

    O artigo está mal escrito! Cheio de erros gramaticais.

    • 20/08/2016 at 12:55

      Maria de Jesus, como você é de Jesus, uma boa pessoa, você pode apontar que eu corrijo. E fico agradecido. Obrigado.

    • Orivaldo
      20/08/2016 at 13:09

      Será que a saída pra falta de argumentos é a correção ortográfica?

    • 20/08/2016 at 13:30

      Orivaldo, já disse para Maria de Jesus, é só corrigir aqui que eu repasso a correção. Eu faço o blog também para isso. Pois vou lapidando os textos que mais tarde podem ou não fazer parte de livros. Eu sou profissional como autor, como filósofo, estou sempre na conversação, na correção, no aprendizado. Não tenho medo de errar. Tenho medo é de ficar errando o que já foi corrigido. Por essa razão é que eu sou um dos únicos filósofos que responde publicamente aos que criticam ou dão opiniões etc. Os outros só falam, fingem não ouvir.

    • thiago leite
      29/08/2016 at 15:18

      Não sei se o objetivo foi criticar Paulo pra corrigir seus erros. Talvez ela tenha tido repulsa ao texto. A começar pelo título que só de ver o nome Dilma ela deve ter achado que era perseguição ao pt ou algo assim. Como não deve ter conseguido ler metade do texto, então terminou soltando os cachorros da formar que deu, ou seja, falando do português. Creio que nesse blog o português é uma ferramenta e não o fim. O fim é a filosofia e não o contrário. Por isso não vejo tanta relevância em erros comuns de português, se é que existiram.Tem um lado do pt em que a visão é meio que unilateral. Eu via as coisa assim quando era um petista roxo. É como se fosse uma lente a lente petista de ler a vida. Se vc não tem esses olhos, então é um cego que só o pt conseguirá mostrar a realidade verdadeira. Pro petista a lente do pt é absoluta e não existe outra lente. Pro petista toda a perpectiva é igual a zero e o contraditório só tem voz quando sai da boca do partido, se for de fora é falso.

  10. Francisco Prete
    20/08/2016 at 10:17

    Infelizmente a história está sendo manipulada pela máfia petista de corruptos e ladrões, com cartilhas e panfletos de ideologia comunista, fazendo o futuro acreditar que, essa massa podre que destruiu o verdadeiro sistema democrático brasileiro, foi vítima da articulação golpista.da direita. Ou seja, a maior arma usada pela demoníaca esquerda vermemelha, são a mentira e a distorção dos fatos.

    • 20/08/2016 at 10:29

      Prete, menos, menos. Não tem nada de comunista no PT. Nem há comunista no mundo. Acorda. Pare com isso para não passar vergonha.

    • Lucas
      21/08/2016 at 04:46

      Quem passa vergonha é vc, burro. Aliás, caiu no total ostracismo, hein? De tão ruim conseguiu ser expulso da cátedra por matutos maconheiros calçando chinelos de dedo. Sugiro que o senhor escreva artigos contra o Olavo de Carvalho – pode alavancar sua popularidade! Flw vlw!!!

    • 21/08/2016 at 09:46

      Lucas! Filósofos como eu nunca caem em “ostracismo” por uma razão simples: o que nos interessa são os problemas filosóficos, não a mídia. Agora, sobre alunos, há os bons e há os maus. Você é do seguinte time. Ou seja, seria, caso conseguisse passar no Enem. Sobre Olavo, Deus me livre, ele não conseguiu terminar o ensino fundamental. Não se aproveita nada do que diz. Por fim, sobre “popularidade”, saiba que a filosofia não é popular, quando se torna popular, já não é filosofia, é coisa de midiagogo. Termine o ensino fundamental, tente arrumar emprego, aprenda a respeitas os mais velhos que sabem mais, que conseguiram ser bibliografia e serem estudados. Aí você será um bom cidadão. Por enquanto, não deu para você: não é um bom cidadão, é apenas um mesquinho passando vergonha. Ah, não esqueça de procurar saber quem é sua mãe e seu pai, isso pode ajudá-lo.

    • LMC
      22/08/2016 at 12:26

      O duro,Prete,é que,pro PT,os
      heróis mundiais são Maduro,
      Assange,Evo Zacarias Morales
      e o casal Kirchner.Lembra
      quando a Yoani Sanchez
      veio pra cá,o que os militontos
      do PT fizeram com ela?Bah…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

About Paulo Ghiraldelli

Filósofo