Go to ...

Paulo Ghiraldelli on YouTubeRSS Feed

25/07/2017

Qual o grau de burrice de quem grita “Fora Temer”?


Ninguém é estúpido por completo, há graus de estupidez. Isso vale em geral para todos nós, e em particular para quem grita por aí “Fora Temer”.

Uma pessoa pode não gostar de Michel Temer por ele ser o vice da Dilma. Tem lá sua razão. Outra pessoa pode não gostar dele por ele ser do PMDB, um antro notório de corrupção tão grande ou maior que o PT, e isso também é uma razão legítima. Mas a pessoa que não gosta do Temer porque ele é supostamente “golpista” ou por ele estar a “favor dos empresários” que, enfim, apoiam a PEC 241, não está no mesmo rol desses outros que não gostam do Presidente.

A PEC 241 não é coisa de política social. É coisa de política econômica. Não se trata de um mecanismo de política social que, interpretando que o capitalismo é predatório, então surge como um necessário contraponto, no próprio capitalismo, que visa amenizações por meio de políticas públicas. Trata-se sim de uma política de bombeiro que visa fazer com que o nosso capitalismo não desmorone, caindo sobre nossas próprias cabeças. A ideia básica é segurar os gastos de modo que eles sejam compatíveis com reajustes em acordo com a inflação passada. Esse medida por si só, uma vez anunciada, precisa de 20 anos. É um número cabalístico? Não! É um número de influência psicológica. É necessário que os empresários de dentro e de fora percebam que podem investir, que o estado não vai gastar mais do que recebe, e que não haverá calote na dívida ou quebradeira geral. No capitalismo tudo que o estado pode fazer, ao lado da política social de amenização do capitalismo, é não deixar o próprio capitalismo se esvair, o que implica em atrair o investimento do capitalista de modo que se possa voltar aos níveis de desemprego suportáveis. A população entendeu. Mesmo os que não entenderam de início, logo perceberam onde estavam. Há mais gente hoje a favor que contra a PEC 241, ainda que, para tal, o governo também tenha participado da guerra de propaganda – não se esperava outra coisa de um governo.

Entender isso é fácil. E quem entende isso, diminui o tom do seu “Fora Temer”. Ou seja, aposta que Meirelles, o homem forte de Lula, conserte o que em parte o PT estragou ao forçar Dilma ser candidata pela segunda vez. Pois ela não quis Meirelles no governo e, então, perdeu a chance de ver as coisas não chegarem no ponto em que chegamos. Caso ela tivesse com Meirelles desde o início, os ajustes viriam antes, e talvez nem se pudesse cogitar o Impeachment. Mas Dilma, quando empresária, faliu uma loja de 1.99, de sua propriedade, lá no sul do país. Não podia governar um país. Nem Lula, é claro, mas este teve a esperteza de não se dedicar só ao roubo, mas também de manter a equipe econômica com gente inteligente, no caso, Meirelles.

Agora o que resta é prender Cunha de vez, a esposa dele, e depois, talvez, Lula, junto com isso, parar de falar “Fora Temer” feito um absoluto tonto e, na sequência, torcer para que os empresários acreditem na PEC 241 e voltem a investir. Após o nível de desemprego cair, pode-se então pensar em se ter esquerda e direita novamente no Brasil, e assim, portanto, uma disputa em que as forças sociais cobrem dos políticos uma política social que faça seu contrabalanço diante do capitalismo.

Podemos ter sorte e, no meio disso, emergirmos também com uma esquerda que não queira só a via da social democracia, mas que também tenha traços liberais fortes, que queira liberdade individual e liberdade de iniciativa criativa, de modo que possamos pensar em mecenatos de toda ordem como um elemento a mais para melhorar a sociedade.  Quem sabe não emergimos dessa crise com mais gente voluntária, mais gente criativa, e mais mecenato? Quem sabe não saímos dessa crise mais dispostos a um sociedade timótica (Sloterdijk) e menos erótica?

A estupidez é a coisa mais bem distribuída entre os homens, falou o gênio Maligno contra Descartes. Agora, é lutar para que tal gênio esteja mais errado que certo.

Paulo Ghiraldelli, 59, filósofo. Aracaju, 21/10/2016

Tags: , , ,

54 Responses “Qual o grau de burrice de quem grita “Fora Temer”?”

  1. Daniel
    08/11/2016 at 12:23

    Quando você fala em mecenato, lembro do período do Renascimento. Nessa época também a igreja praticava o mecenato e ajudava na elevação cultural. Hoje em dia o mecenato está desvalorizado por esse “Fora Temer”, porque justamente elas querem que o Estado seja o mecenas, porque choram a atenção dele. Fora isso, também temos o patrocínio ao Estado através de empresários. Esse tipo de mecenato acabou quebrando a gente.

    • 08/11/2016 at 12:33

      Eu especifico bem o mecenato interessado, o “dinheiro inteligente”, a partir de Sloterdijk, nos meus artigos. Meu livro sobre Sloterdijk logo estará na praça.

  2. Esther Torinho
    06/11/2016 at 18:32

    Primeiramente #ForaTemer. Segundo lugar, um texto tão longo para explicar aquilo para o que não há justificativa. Se o governo não tem dinheiro, como se explicam os aumentos absurdos para algumas categorias, para as verbas de publicidade da GLobo e Época, banquetes pagos a Deputados com dinheiro público e a grana alta que o Governo pretende emprestar ao FMI?
    Engana o povo que o povo gosta. Falo do povo idiota.

    • 06/11/2016 at 18:37

      Torinho, todo mundo que diz “primeiro lugar Fora Temer” já se revela, e revela mais logo em seguida, ao achar o texto longo.

  3. Maria Anita
    24/10/2016 at 17:06

    Impressionada com a crescente “descerebração” dos lulopetistas seguidores do “encantador de burros.
    O fanatismo, irmão maior do extremismo, é a grande causa da desgraça que a humanidade atravessa.
    Lamentavelmente, não aprenderam nada. Pelo contrário, o rancor, o ranger de dentes, a vociferação, são hoje as armas preferidas de quem não tem argumentos. Nem amor pelo País.

    • 24/10/2016 at 18:24

      Maria Anita, antes era a direita assim, e talvez a direita continua assim, mas a esquerda assim, realmente, é uma decepção.

  4. Marcia
    24/10/2016 at 09:59

    Eu nunca estudei filosofia, e nunca fez falta nenhuma Eno meu currículo, acho que seria mais interessante colocar matérias como educação moral e cívica, e organização social e política, talvez assim nossas crianças e adolescentes voltassem a respeitar o direito do outro, e aprendessem política sem doutrinação.

    • 24/10/2016 at 15:31

      Márcia para você realmente é necessário Educação Moral e Cívica, claro! Tá precisando mesmo. Outra matéria necessária: alfabetização de adulta.

    • Esther Torinho
      06/11/2016 at 18:29

      Marcia, está mais do que explicado? tudo que a gente não conhece não faz falta. E pra quem não gosta de pensar, pra que aprender algo a mais?

    • 06/11/2016 at 18:37

      Torinho, você não conseguiu ainda terminar a leitura da PEC. Acorda minha nega.

  5. Lucia
    23/10/2016 at 20:12

    É … talvez tirar filosofia do currículo nem vá ser tao prejudicial quanto os educadores pregam….? quiça até um favor! Texto de reflexão impar e imperdível tenho q dizer!!!?

    • 23/10/2016 at 20:32

      Filosofia fora do currículo é uma merda Lúcia. Acredite.

    • Marcia
      24/10/2016 at 10:00

      Nunca fez falta no meu.

    • Esther Torinho
      06/11/2016 at 18:32

      KKK Lucia, vejo que nunca leu um texto de reflexão. Precisa melhorar o nível de leituras.

  6. oswaldo luiz vieira
    23/10/2016 at 00:31

    Pai ,perdoai,os esquerdistas eles não sabem o que falam.

    • 23/10/2016 at 08:10

      Oswaldo, a direita sabe pouco, mas esse esquerdismo que está aí não dá para ser perdoado nem pelo Pai.

  7. Heleida
    23/10/2016 at 00:21

    Além de não entenderem o texto,ainda são burros do português e desrespeitosos com quem está falando.
    E é por isso que nosso país está desse jeito.

  8. 22/10/2016 at 14:58

    Parabéns ghiraldelli pelo seu texto riquíssimo em sabedoria filosófica, lavagem cerebral tá sendo feita nos petistas de carteirinha, e a burrice continua.

  9. Marly Beraldo
    22/10/2016 at 12:08

    Com certeza o grau de burrice de quem grita “Fora Temer” e menor do que aqueles que gritam “Fica Temer”. Penso que o sr está confundindo crimes com política, ideologismo acadêmico com financeiro. Porque Temer é tão criminoso quanto Cunha, Renan, Aécio, Sarney, José Dirceu, Cerveró (lista de marcelo da Odebrecht) e outros citados, provados e envolvidos na Lava Jato… ou o sr acredita mesmo que esses caras estão aí para melhorar o país ???? kkkkkk Querem passar atestado de bonzinhos depois de terem saqueado por décadas os cofres públicos. O sr não é tão ingênuo assim a ponto de acreditar que esses que vinham saqueando o país há décadas, hoje tornaram-se heróis, porque estão retirando políticas sociais e investimentos em Educação e Saúde com as falsas promessas de que ajuste fiscal se faz com retirada de direitos e obrigações previstas na Constitiuição. Sistema Captalista não se faz em cima de Sistema Político, se faz através de Políticas tributárias, de planejamento e Desenvolvimento Sustentável. Enão o sr também faz parte desta pequena parcela de burros que grita “Fica Temer”. Agora se o sr é um cara apaixonado mpor Meirelles, coloque uma foto dele em sua cabeceira. kkkk

    • 22/10/2016 at 12:52

      Marly o artigo não é sobre crimes de Temer, leia oito vezes. Sobre foto do Temer, prefiro a foto da Marcela Temer, não a sua. Não mande nudes.

  10. Luis Andrade
    22/10/2016 at 11:02

    Paulo Ghiraldelli, parabéns pelo texto bastante coerente, agora olhando ao tipo de comentários que aqui vejo eu sugeria a correção deste título e acrescentava “Alienados e retardados”, é inacreditável a verborreia que aqui se vê… Parabéns

    • 22/10/2016 at 11:33

      Luis há algo com esse novo tipo de esquerdismo que é pior do que quando o Gabeira andava de sunga de crochê.

  11. Claudio Amaral
    22/10/2016 at 09:41

    FOOOORAAA TEMER !!!!!!

    • 22/10/2016 at 10:24

      Claudio Amaral foi ótimo saber seu grau!

    • LMC
      22/10/2016 at 11:19

      FOOOOOORAAAAAAAAA
      LULLA E DILLMA,CLAUDINHO!!!!!!
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  12. Roberto Omena Ferro
    22/10/2016 at 09:24

    Ótimo texto, entretanto as respostas dos esquerdopatas foram de uma sensibilidade incrível!!! Muito bom e meus parabéns!

    • 22/10/2016 at 10:24

      Roberto! Ser de direita ou de esquerda é um ópio. No caso, a esquerdopatia é mais que isso, é uma debilidade.

  13. jose Flores
    22/10/2016 at 09:11

    Concordo plenamente com e texto e esses estrebuchos continuarão até o estertor final.
    Independente de ser PT ou PMDB ou PQP penso que por uma política de estado, levada de forma errônea por anos e anos seguidos destruíram, talvez propositadamente, o sentimento moral e cívico desse País e a burrice passou a ser endêmica.

    • 22/10/2016 at 10:25

      José a “burrice endêmica” está presente sim, é necessário lambada nela.

  14. magda santos
    22/10/2016 at 08:48

    Depois de ler tanta asneira em pequeno espaço não só grito FORA TEMER, com a maior convicção (palavrinha em moda) como grito mais:FORA Paulo Ghiraldelli por ser tão imbecil!! Fez filosofia por correspondência? Precisa ler um pouco mais!!
    Felizmente Dilma não não quis Meirelles no governo se cometesse este cometesse o desatino estaria fora antes, e não por um golpe sujo. Mas você está certíssimo quando cita “A estupidez é a coisa mais bem distribuída entre os homens”pois você entrou na fila duas vezes ou era amigo do distribuidor e saiu com dose dupla!!

    • 22/10/2016 at 09:05

      “Cala boca Magda” – você me fez lembrar o Falabela, impagável! Obrigado por ler minhas coisa. Beijos.

    • Ambulância de polícia
      22/10/2016 at 22:28

      Fica Temer,fora povo dessa página.
      Vão caçar gato nas ruas da Venezuela.
      O Haiti ainda não é aqui.
      Seus comunistas de fim de semana! …

      A água cheia de chumbo que vcs tomam que detonou o cérebro de vsas.
      Vão se internar!

  15. MARCIA KIELING
    22/10/2016 at 07:53

    Como é que é? “Até petista pode entender”? De Que merda de gente tu foste feito seu escroto, tu te achas o quê? Juro, passarei este teu escrito infeliz para o mundo se filhote de vira lata…

    • 22/10/2016 at 07:58

      Marcia o “tu achas” é função verbal, regionalismo permitido, mas feio prá caralho. Escreve “Senhor” para mim, e “você” para os amigos. Fica mais adaptado à conversação por escrito. OK? Obrigado por ler minhas coisas, linda.

    • LMC
      22/10/2016 at 11:23

      Márcia,tu és uma filha da puta,
      isto é o que tu és,uma guria que
      nasceu do seio de uma meretriz.
      Resumindo:UMA MILITONTA!!!!

  16. Damiao
    22/10/2016 at 06:47

    É fácil filosofar com a desgraça dos outros, quando quase todos perdem, mas nos encontramos do lado oposto…o difícil é ser a parcela que arcará com todo o custo do ajuste e ainda concordar com essa PEC , isso sim seria estupidez ou tolice…o resto é filosofia barata , que vê a vida por trás de argumentos de indivíduos que nem participam da realidade nua e crua do povo…..cansei ….vão se foder ,e se preciso for, vamos nos foder todos juntos….

  17. Fidel
    22/10/2016 at 02:12
    • 22/10/2016 at 07:48

      Fidel o seu problema tá no nome, é um nome que não atrai inteligência.

  18. Mario
    22/10/2016 at 00:50

    Olá, professor. Tento acompanhar as suas publicações neste site e elas de certa forma me despertaram uma curiosidade nos temas da filosofia.

    Abordando o assunto desta postagem, ouvi também um rumor por meio de um amigo meu de que na ANPOF as eleições foram feitas/organizadas segundo o critério de quem seria Fora Temer. Eu, entretanto, não consegui apurar ao certo se foi apenas um boato ou não. O senhor soube de algo do tipo?

    Também aqui tenho uma dúvida que comecei a ter tentando acompanhar o debate da PEC 241: Como poderíamos saber se essa pessoa não entendeu o texto por pura questão de burrice ou se ela mente do conteúdo por desonestidade intelectual? Como distinguir um caso do outro?

    • 22/10/2016 at 07:49

      Mario o boato é sinal de verdade, pois o boato é que era o que denunciei. Sobre a desonestidade intelectual, ora, ela é prima-irmã do não entendimento.

  19. Sue
    22/10/2016 at 00:12

    REPORTAGEM RIDICULA ESCRITA POR UM TROUXINHA IDIOTA.

    • 22/10/2016 at 07:50

      Sue, tente aprender a lidar com o caps lock! Pois isso faz você ficar com um grau a mais do que foi denunciado no texto.

  20. Luna Milan
    21/10/2016 at 22:40

    Não deve ter sido um filósofo que escreveu tanta merda!

    • 22/10/2016 at 07:51

      Luna agora já sei qual o grau seu? É a burrice top!

  21. Fernando coelho
    21/10/2016 at 20:18

    Discurso pobre e carcomido e atrasado. E tem lado. Burrice de uma falsa polaridade.

  22. Loiva
    21/10/2016 at 19:28

    E qual seria o meu grau de burrice? para ter lido toda essa propaganda enganosa a favor de Temer até o fim?

    • 22/10/2016 at 07:51

      Loivajo percebeu que você mostrou agora seu grau?

  23. Celio Marcos
    21/10/2016 at 17:12

    “Filósofo, economista, vidente, jurista, capitalista… sendo assim muito rico não precisaria estar defendendo o capitalismo brasileiro e iria investir, sei lá, na China socialista? Porém que é convicto dessas afirmações só pode ser ingênuo…”

    • 22/10/2016 at 07:52

      Celio adorei sua observação! A de “defendendo o capitalismo brasileiro” foi ótima.

  24. Sidnei Fumaux
    21/10/2016 at 17:07

    O mesmo de quem grita “FICA TEMER”

    • 22/10/2016 at 07:52

      Sidnei isso foi dito no texto, você não entendeu.

    • LMC
      22/10/2016 at 14:36

      O Sidnei Fumaux muita maconha
      pra escrever a merda que escreveu.
      PORRA!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *