Go to ...

on YouTubeRSS Feed

13/11/2019

A direita na base do Samba do Branco Doido!


O que é a oposição hoje? Basicamente de direita. 

No Congresso e nas ruas, a voz mais ouvida é a de Ronaldo Caiado (DEM), que agora conta com a experiência de anos na militância ruralista parlamentar. Caiado tem a vantagem de não ser um tresloucado como Bolsonaro. Mas não deixa de ser uma figura do “Tea Party” brasileiro que parece se organizar quase que espontaneamente por dentro do DEM, PSDB e adjacências.

Caiado rapidamente colocou para escanteio a voz de Aécio Neves, que não tem vocação para ser líder, é indolente e com telhado de vidro, ou seja, a péssima herança deixada no governo de Minas Gerais, agora conhecida e reconhecida nacionalmente.

O interessante é que, na atual circunstância, Caiado se torna um elemento mais viável, em termos de voz a ser ouvida, que qualquer um que saia da própria base da oposição, ao menos a base popular militante, a que vai nas manifestações de rua. A Folha de S. Paulo apurou que 64% dos manifestantes que foram à Av. Paulista no último dia 12/04 são pessoas que acreditam que o PT e as esquerdas querem “implantar o comunismo no país”. Em pesquisas semelhantes, feitas por pesquisadores individuais ligados às universidades, a maior parte dessas pessoas não sabe direito se a URSS desapareceu ou não; além disso, acreditam que Cuba continua com a mesma política de “exportação da Revolução” do tempo de Guevara!

Uma boa parte dessas pessoas pede “intervenção militar”, mas não sabe quem comanda as Forças Armadas ou como se daria uma tal coisa. Vários acreditam que se o Exército Brasileiro “não tiver culhões” para “impor a ordem”, então os “brasileiros de bem” deveriam recorrer ao Presidente dos Estados Unidos. Refutados pelo entrevistador que, então, diz que Obama é da esquerda americana, essas pessoas repetem jargões de fanáticos da esquerda brasileira, dizendo que nos Estados Unidos mandam os empresários e militares, que Obama não manda nada etc., e que o governo americano ajudaria sim a “restauração da ordem”. Perguntados sobre o que é a “ordem”, tais pessoas afirmam que é a “bagunça do PT”, “a roubalheira”, os “impostos”. Não são poucos, entre esse, os que falam que tudo isso já é “o comunismo”, que já vivemos “sob o totalitarismo”.

É também interessante notar que muitos manifestantes falam de jornalistas (e intelectuais (!)) de direita como gurus, mas não sabem direito o que escreveram ou escrevem. O importante para eles é que tais pessoas são “contra o PT”, “contra o Foro de S. Paulo”, entidade que estaria minando as bases morais da família brasileira, para que o comunismo, uma regime “de orgias”, de “gayzismo”, venha a ser implantado no Brasil.

Que Deus tenha piedade de nós.

Paulo Ghiraldelli, 57, filósofo

Tags: , , , ,

18 Responses “A direita na base do Samba do Branco Doido!”

  1. José Delfim
    17/04/2015 at 01:09

    “Que Deus tenha piedade de nós.”

    É isso, são dias nebulosos nos quais intelectuais citam o que não leram. Militantes alvoroçados por seus gurus acendem fogueiras inquisitoriais para nelas lançar Marx e tudo que eles sem nunca o terem lido creditam ter relação com sua teoria. São dias em que multidões vão a rua pedindo que Paulo Freire seja enxotado da educação brasileira – onde nunca esteve diga-se de passagem. Dias em que ser professor, estudar, dedicar-se a formação intelectual é sinal de ser doutrinado pelas “esquerdas” e mais que isso doutrinador. Alunos que nunca gostaram de estudar aproveitam então para aderir a estes gurus de frases de rede social que nunca leram e portanto mal sabem escrever para enfrentar com atitudes fascistas seus mestres, são os novos “gênios”, autodidatas que se educam online, desprezam o ofício do professor, duvidam de seu trabalho. É a consequência de uma sociedade que desconhece o valor da educação, que despreza o que a mesma tem a oferecer. Com um conjuntura assim não consigo ver um horizonte muito agradável. Enfim, que Deus tenha piedade de nós!

    • 17/04/2015 at 02:04

      Quando vi que neguinho se fazia passar de esquerda para me agredir na UFRRJ, deixei-os de lado. Não quis gastar mais meu tempo com esse pessoal.

  2. Wagner
    16/04/2015 at 15:29

    “Vão ler o seu artigo”. Com a perspicácia costumaz, chegarão à conclusão de que se trata de um agente da nova ordem mundial comunista usando as estratégias de Gramsci para conquistar a hegemonia esquerdista na América Latina.

  3. LMC
    16/04/2015 at 11:24

    O Caiado não tem força nem na
    terra dele,Goiás.Tentou se
    eleger governador e teve uma
    votação igual ao Levy Fidelix.
    É igual ao Suplicy.Só se
    elegeu em eleições
    legislativas,nas majoritárias
    não venceu nenhuma.
    Pra alegria do Aécio,a
    popularidade do governador
    do PT em Minas está
    igual ao Haddad em SP,
    segundo a imprensa local.

    • 16/04/2015 at 12:10

      A política é a arte de preencher vazios, meu caro LMC. Você não a analisa, você a toma como dado do passado.

    • Hayek
      16/04/2015 at 15:47

      O LMC é a redundância do mais do mesmo. O cara lá em minas nem começou e já tem q ter popularidade?

    • LMC
      17/04/2015 at 09:52

      É isso mesmo.Bem,o PT
      não vai ficar 20 anos em
      MG como o PSDB em
      SP,por exemplo.Por
      incrível que pareça,o
      Aécio ainda tem um
      grande eleitorado no
      interior.Na Capital,
      nem tanto.

    • João Pedro
      16/04/2015 at 16:01

      Eleição para senador é majoritária, amigo. E nessa que o Caiado ganhou só havia uma vaga em disputa.

    • 16/04/2015 at 17:21

      Meu Deus do céu, João Pedro, é tão difícil assim um texto de filosofia? Só é possível ler jornal?

    • João Pedro
      17/04/2015 at 21:52

      Não estava comentando o texto, só respondi ao LMC.

    • LMC
      17/04/2015 at 10:15

      João,eu quis dizer cargos
      executivos.Nas eleições
      pra esses cargos,o Caiado
      não se elegeu.

  4. Cesar Marques - RJ
    15/04/2015 at 23:12

    Falando em direita tresloucada, olhe a mensagem que acabei de ler na sua página do Facebook:

    “Sandra Regina Ouro O grande equívoco da maioria ainda, infelizmente, é achar que a dissolução da URSS foi o fim do movimento comunista. Ele só adotou outras estratégias. O que você diz sobre a URSAL (União das Repúblicas Socialistas da América Latina)? Se não é uma imitação do que foi a URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas) é o que então? Desculpa, acho que vc esqueceu seu remedinho hoje…”

    Francamente, não sei como o senhor aguenta esse assédio psicótico, desses olavetes destrambelhados.

    • 15/04/2015 at 23:15

      Cesar Marques a pesquisa da Folha indica 64% de pessoas assim na Manifestação. Então, temos de aguentar. São brasileiros. São abestalhados, mas têm o direito de serem abestalhados.

    • Guilherme Pícolo
      16/04/2015 at 13:47

      É sério que essa turma acredita num complô soviético para dominar o mundo? É tão caricato e surreal que a ideia aparece num episódio dos Simpsons:

      https://www.youtube.com/watch?v=8MfOxbW84X4

  5. alexandre
    15/04/2015 at 21:47

    Ta complicado falar de politica e principamente o clima maniqueista onde o PT representa o mal e não ha dialogo, em tempos que Cuba deixa de ser do eixo do mal, a direita by Reinaldo Azevedo perdeu a referencia

    • 15/04/2015 at 23:14

      Alexandre, mas isso é também culpa do PT, que enveredou pelo banditismo e quis transformar a conversa de modo maniqueísta.

    • alexandre
      15/04/2015 at 23:43

      Sem duvida PT não é santo mas tb não é dono do bordel, o silencio de quem não Concorda com o que está acontecendo é entendido Como falta de argumentos aos fatos ou um tipo de ta vendo te avisei agora vc ta quietinho né, lamentavel

    • 15/04/2015 at 23:48

      Alexandre eu não sou político, sou filósofo. De vez em quando comento algo de política. E minha críticas mais contundentes são à esquerda. A direita é tosca, nem dá para criticar. Agora, no seu caso, por favor, aprenda a escrever depois volte. Assim, analfabeto, não dá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *