Go to ...

on YouTubeRSS Feed

22/10/2017

Você quer uma prova que a burrice existe e é incurável?


Moça do vídeo espetacular, fere a esquerda e de quebra acaba ridicularizando a direita.

Coloquei esse vídeo (eis o link) no meu facebook, que é uma tremenda – e boa – sátira de uma garotona petista, dessas que não raro encontramos por aí repetindo de ano na faculdade e falando só asneira. Gostei da performance. A moça é bonita, faz aquele tipo atraente que deixa você ligado e ao mesmo tempo vomita os jargões de uma esquerda dopada. Dá para rir bem. Uma sátira muito melhor que os personagens esquerdistas que os atores da TV fazem (bate de dez no Marcelo Adnet).

Aliás, o personagem é interessante mesmo: Fernanda Minazi, ou seja, Fê Minazi. Não é uma boa?

Mas o que eu não esperava, ao menos não tanto, era ver que a maioria dos comentários do pessoal de direita seria de gente incapaz de perceber que o vídeo era de uma sátira (eu escrevi no título que era uma sátira!). A maior parte passou a vociferar palavrões, chamar de “comunista”. Isso fora os que acusaram-na de receber BOLÇA (sic) do governo! Fiquei pasmo!

A direita não consegue formar quadros. Dá até dó dos que escrevem para esse público. Acho que é por isso que os intelectuais da direita são tão ressentidos! Escrever para grupos da esquerda é perder tempo, mas escrever para a direita é uma porta aberta para logo querer se matar.

Paulo Ghiraldelli, 58, filósofo.

Tags: , , ,

10 Responses “Você quer uma prova que a burrice existe e é incurável?”

  1. Duda sertanejo
    24/11/2016 at 13:03

    Ela em outros vídeos se a fala dela enbreagada ou alucinada não se se em drogas lícitas ou inlicitas, mas diz que a profissão de traficantes,acioesinhos,motoboy entregador de maconha são melhores que seus professores da universidade .essa é doida de mais os país delas devem sentir algo muito triste…

  2. Luma
    27/05/2016 at 23:50

    A galera da direita se reconhece na falta de lógica na fala e ainda pergunta: “Estou confuso. Você é um personagem?” kkkkkkkk

    • 28/05/2016 at 01:03

      É Luma, tem de rir.

    • Italo
      08/06/2016 at 23:57

      Sim … Ela é um personagem com o intuito de fazer sátira.
      Ela se faz de radical feminista de esquerda para justamente ridicularizar a esquerda e os imbecis ávidos pelo “politicamente correto”. Ela é tão boa atriz que centenas de pessoas pensam que a personagem dela é verdadeira. Cansei de rir os comentários das pessoas indignadas com os “delírios comunistas” criados por ela… Excelente humorista… Vejam mais sobre ela no youtube.

  3. Orquideia
    21/05/2016 at 08:05

    Ela é séria demais,não sabe fazer graça.
    Foi por isso que os bobos acreditaram na sinceridade dela, e xingaram.

    • 21/05/2016 at 12:56

      É um tipo de graça, chama-se paródia de ironia fina, não é para qualquer um. É para pegar o burro.

  4. Matheus
    20/05/2016 at 20:35

    Obrigado Paulo tô vendo os videos dela e chorando de rir até agora a melhor piada é “temos um projeto de lei que obriga que as propagandas de bermuda tactel tenham 90% do seu elenco composto por indígenas, já que esses são os maiores consumidores do referido produto”

  5. Valmi Pessanha Pacheco
    19/05/2016 at 11:54

    Prof. PAULO
    A jovem e bela (será também recatada?) militante, clinicamente, manifesta indícios de estar obnubilada, talvez sob efeito de algum estupefaciente. Concordo com ela e com a afastada PresidentA – esses burgueses não aplaudem esta grande conquista do povo brasileiro que foi a MANDIOCA. Isso, sim, talvez sejE uma grande injustiça, até mesmo um golpe na cultura deste país.
    Atenciosamente
    Valmi Pessanha

    • 19/05/2016 at 12:01

      Valmi, a moça é boa de performance, os outros vídeos dela também são bons.

  6. jordan
    18/05/2016 at 23:41

    meu deus … engraçado demais … e ela realmente pega os dois lados … os comentários são inacreditáveis… mas não esqueçamos que são apenas 8% os que entendem um texto, eles não sabem o que é uma sátira, uma paródia, uma ironia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *