Go to ...

on YouTubeRSS Feed

28/05/2018

Mídia

O irmão gay-heroi de Vladimir Nabokov

Imagine uma mulher dando à luz ao fruto de um estupro. “São gêmeos!”, dizem as tias a respeito do que têm em mãos. Então, em meio ao sangue elas notam que algo saiu errado. Não são propriamente gêmeos, mas alguma coisa com um corpo e duas cabeças. E vive! Não sabendo direito o que fazer

A gaiola do intelectual carente

Midiagogos é intelectual que fica como papagaio em jornais televisivos. Outro dia, um desses midiagogos mandou-me por e-mail a seguinte pérola originalíssima: “a unanimidade é burra”. Meu Deus, nunca vi tanta sabedoria! Um guru! Toda vez que alguém usa de frase cliché a coisa vai mal, mas quando a frase é esta, então, não há

Não existe “complexo de vira-lata”

Os midiagogos inventaram de falar em “complexo de vira-lata”. Já vi um bocado de gente dizendo da existência disso que, enfim, não existe. “Complexo de vira-lata” é invenção de gente que não tem o que dizer, gente sem assunto. Não raro até professor que trabalha de graça de jornalista, anda falando disso. Falam disso baseados

As Olimpíadas desnudam mídia e visão dos midiagogos

O Jornal Nacional disse que a imprensa internacional não reclamou da torcida brasileira nas Olimpíadas. Já a Globo News, que é feita para o telespectador da classe média mais abonada, foi apresentada uma reportagem dizendo que toda a imprensa internacional reclamou da torcida brasileira.

Não contrarie o status quo e seja midiático

O colapso do intelectual midiático Os melhores filósofos sempre foram consciência de seus lugares. Assim fizeram por fustigar o status quo não contra o ethos local, mas a favor do melhor do ethos, às vezes posto de lado. Quando a mídia começou a crescer, os filósofos souberam se aproveitar dela para continuar nesse projeto. Até

O deslumbramento subserviente

Vou usar do êxtase do professor de História Karnal, ao escrever para o Estadão, para comentar aqui um dos terríveis efeitos da mídia e, ao mesmo tempo, do desprestígio da carreira de professor, pelo qual o Brasil está passando. 

De Lennon ao Scorpions

Há um fio que liga Lennon aos Scorpions, mas que não sabemos se pode alcançar mais alguém, já agora do lado de cá do século XXI.

O medo da forma que é fôrma!

Nos anos setenta popularizou-se a ideia de Marshall McLuhan expressa no dito “a forma é a mensagem”. Vários teóricos da época parafrasearam: “a fôrma é a mensagem” e “a forma é a massagem”.

O imaturo que não consegue ser meu leitor

Venho notando que não consigo falar com o imaturo. Ele entra aqui, não consegue conviver com o ambiente filosófico de crítica cultural, fica irritado porque é contrariado, xinga e começa a espernear. 

A Rede Globo continua, o PT não

O Globo Repórter fez hoje, dia 15/04, um programa sobre como que o brasileiro consegue “com trabalho e criatividade driblar a crise”. Caso eu tivesse hibernado nos anos setenta e acordado agora, salvo a cor da tela e o cabelo grisalho de Sérgio Champelin, não sentiria qualquer diferença. A ideia é a mesma de sempre:

O que fazer com Fernandinha Torres?

Fernanda Torres fez um belo texto – de escritora, claro, não de socióloga – falando o que toda feminista deveria saber falar. Enalteceu a mulher que pode ser mulher, que pode ser sensual, que pode ser negra sensual. Ou seja, fez um texto libertário no sentido de oferecer o “pode” para a mulher. A mulher

O caso Kim na Folha de S. Paulo

Tanto a Folha de S. Paulo quanto a rede Globo estão como barata tonta diante da Internet. Não conseguem se adaptar ao fenômeno, não o entenderam ainda, e então se perdem na ideia de correr atrás de quem eles acreditam que tenha popularidade. Mas popularidade é um coisa, jornalismo e entretenimento é outra. Um calango

O senso comum simplório e a verdade

O homem que vê os dois lados de uma questão é um homem que não vê – Oscar Wilde O que Pascal falou contra Descartes foi que uma verdade (1) não recebe de uma afirmação que lhe é contrária uma mentira, mas talvez também uma verdade. Uma verdade ao lado de outra que não lhe

O ânus como a última porta

A arte não tem que ser bela. Ao menos não após a fim da história da arte, como o filósofo americano Arthur Danto efetivamente já mostrou em diversos livros. Isso é quase que uma definição: a história da arte chega ao fim à medida que, entre outras coisas, ela própria, a arte, dispensa os filósofos

Desapega! O lema da mulher OLX

A nova novela da Rede Globo entra na onda do site OLX: “desapega”. A ideia básica é desapegar do amor que supostamente parece não corresponder. É a ampliação da ideia contra a qual se insurge o professor argentino de filosofia, Bergloglio, que por sinal é o Papa Francisco: o descarte, o “deixe de lado”, o

Darth Vader acolhe Lênin na Ucrânia

Darth Vader é hoje passado. Lênin também. Manter a estátua de Lênin no interior de uma estátua de Darth Vader, hoje, é uma completa situação anacrônica. Mas é isso que se passa no mundo da ex-URSS, a Ucrânia, hoje.

“Vista a roupa meu bem”

A Playboy americana está repensando sobre a publicação de fotos de mulheres nuas. Tudo leva a crer que as fotos de mulheres em poses eróticas continuarão, mas que a nudez completa desaparecerá. Também os célebres calendários da Pirelli não trarão mais beldades, mas fotos de mulheres “expoentes em suas áreas”. Ora, do que estamos falando?

Older Posts›› ‹‹Newer Posts